top of page

Descubra o potencial das aplicações "Low-Code"

"Low-code" traduzido para o português é "baixo código".


Por muito tempo, os desenvolvedores tiveram que escrever milhares de linhas para ter um aplicativo que atendesse às necessidades da organização, mas a boa notícia é que, com o surgimento da tecnologia low-code, isso não será mais necessário.


Isso não quer dizer que escrever códigos seja uma tarefa que será eliminado, mas a tendência é que ter que escrever código-fonte para criar aplicações funcionais seja cada vez menos frequente.


Um estudo realizado pelo Instituto Gartner indicou que, até 2024, 65% do desenvolvimento de aplicativos será "low-code".


Image from Freepik


A novidade dessas aplicações "low-code" é que, com apenas alguns passos, é possível ter uma aplicação completa sem a necessidade de conhecer linguagens de programação como C#, Java, JavaScript, etc. Isso abre a porta do desenvolvimento de aplicativos para aquelas pessoas que têm idéias maravilhosas, mas por não saberem como codificar, acabam ficando com essas idéias engavetadas.


Embora esse tipo de tecnologia tenha aberto as portas para pessoas que não são técnicas, não podemos ir ao outro extremo e afirmar que qualquer um pode criar esses aplicativos, porque isso não é verdade. Embora o marketing das gigantes de TI nos faça ver que até a vovó pode fazer suas aplicações de olhos fechados, isso não reflete a realidade.


É necessário conhecer sobre banco de dados, para ter uma boa fonte de dados para poder alimentar o aplicativo, é necessário saber sobre objetos e classes, para entender como eles devem ser usados para que juntos formem o aplicativo, também é preciso ter um conhecimento mínimo de usabilidade e interface para que o aplicativo seja realmente atrativo e simples de usar.


Um dos principais produtos do mercado é, sem dúvida, o Power Apps, que permite criar aplicações de negócio de forma simples, com o apoio de inteligência artificial que nos ajuda a passar (literalmente) de um design num pedaço de papel para uma aplicação quase pronta a utilizar.



Anunciado pela Microsoft em 2015, tendo seu lançamento final em outubro de 2016, o Power Apps surgiu para acelerar drasticamente a maneira como os aplicativos de negócios são criados, reduzindo o tempo de solução de semanas ou meses para minutos.


Você pode obter mais informações sobre o Power Apps, clicando neste link: Microsoft Power Apps – Build Apps with AI | Microsoft


Esperamos que este artigo tenha te ajudado.

 

Está pensando em desenvolver uma aplicação para sua empresa e não sabe por onde começar? Nós podemos te ajudar.


Na AMG Business Solutions contamos com um time de consultores especialistas em implementar as soluções de negocios da Microsoft.





Comments


bottom of page